PUBLICIDADE
Topo

Guia de estudos: confira 10 temas essenciais de biologia

Lucas Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

16/08/2013 06h00

Compreender os processos de obtenção de energia, a estrutura de uma célula eucariótica e leis da hereditariedade é fundamental para encarar as questões de biologia dos grandes vestibulares. O UOL consultou professores sobre os dez conteúdos da disciplina que mais caem nos exames.

GUIA DE ESTUDOS

  • AFP

    Dez temas essenciais de química

  • Rodrigo Capote/Folhapress

    Dez temas essenciais de matemática

  • Luciano Candisani/CI/Divulgação

    Dez temas essenciais de geografia

  • Bruno Miranda/Folhapress

    Dez temas essenciais de física

  • Thinkstock

    Dez temas essenciais de biologia

  • REUTERS/Enrique Castro-Mendivil

    Dez temas essenciais de história

  • Thinkstock

    Dez temas essenciais de filosofia e sociologia

  • Thinkstock

    Dez temas essenciais de inglês

  • Rede Globo/Divulgação

    Dez temas essenciais de português

  • Reprodução

    Dez temas essenciais de espanhol

  • Reprodução

    Dez passos para uma boa redação

Esse é o quinto roteiro de uma série que trará o guia de estudos de uma disciplina por dia.

Para Thais Faccio, professora de biologia da Oficina do Estudante, a prova da disciplina na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) foca bastante em evolução. Já na Fuvest, vestibular da USP (Universidade de São Paulo), "sempre cai, por exemplo, divisão celular, estrutura da célula, permeabilidade e principais características das leis mendelianas".

A seguir, um compilado com os temas mais mencionados:

Para Leandro Neves, professor do Cursinho do XI, o tema evolução é recorrente em todos os grandes vestibulares. Há perguntas que cobram a discussão teórica das diferenças entre as teorias de Lamark e Darwin, os mecanismos de formação das espécies e estudos de caso, como o clássico exemplo da seleção natural agindo sobre as mariposas brancas e pretas na Inglaterra durante a Revolução Industrial.

Dentro da citologia, o básico é o mais importante. Todos devem compreender assuntos como os mecanismos de replicação, transcrição e tradução do DNA.

Segundo Neves, a biotecnologia vem aparecendo frequentemente nos últimos vestibulares, e tem ganhado cada vez mais espaço dentro das provas, exigindo conhecimento sobre as técnicas (como a técnica do DNA recombinante, a clonagem, terapia gênica, transgênicos) e sobre as questões éticas de uso destas novas tecnologias, como no uso dos transgênicos.

Os estudantes devem compreender bem quais são as substâncias envolvidas em cada processo, as etapas e o saldo energético.

As funções básicas das organelas citoplasmáticas, da membrana plasmática e os processos de transporte de substâncias através da membrana, sendo o mais importante a osmose.

  • Divisão celular

"Costuma aparecer nos grandes vestibulares de forma detalhada, exceto no Enem. É pedida uma visão geral dos processos de mitose e meiose, o impacto na sobrevivência do ser vivo e na manutenção da espécie", diz Paulo Flávio, do Magnum.

Em genética, podemos encontrar questões com os mais variados tipos de herança. É importante que o vestibulando tenha domínio sobre a primeira e segunda leis de Mendel, e não deixe de ter muita atenção ao definir os genótipos e fenótipos, resolver os cálculos de probabilidades e interpretar os heredogramas apresentados na prova.

"Apesar de serem questões simples geralmente a distração e o cansaço levam o vestibulando ao erro", diz Neves, do Cursinho do XI.

ESTUDE PARA O ENEM

  • Johnny Eggitt/AFP

    No Enem, atualidades são pretexto para cobrar análise de conteúdos

    Getty Images

    Prova de exatas do Enem cobra temas básicos; veja o que estudar

    Divulgação

    Confira 21 sugestões de filmes para estudar filosofia e sociologia

    Editoria de Artes/Agência O Globo

    Boa redação pede domínio da dissertação e de atualidades

    Rivaldo Gomes/Folhapress

    Estudar com provas antigas é principal dica para realizar Enem

"O aluno deve saber quais são as principais doenças parasitárias causadas por vírus, bactérias, protozoários e vermes, com ênfase nas mais frequentes no Brasil, e relacionar cada doença com o agente causador, forma de transmissão e profilaxia, além do potencial patológico de cada uma", afirma Walter Guilherme Schatzer, professor do CPV. 

Conhecer bem o tema fisiologia é indispensável para responder questões sobre o funcionamento dos sistemas do corpo humano e dos outros animais.

"Nos últimos anos temos encontrado também questões que exigem a interpretação das tabelas de valores nutricionais impressos nas embalagens dos alimentos que consumimos diariamente e seus efeitos sobre a fisiologia humana", diz Neves.

Em relação à fisiologia vegetal, o vestibulando deve ter claro o papel dos hormônios vegetais e funcionamento dos órgãos vegetais (raiz, caule e folha). 

  • Fluxo de energia e os ciclos da matéria nos ecossistemas: produtores, consumidores, autotróficos, heterotróficos, decompositores, teias alimentares etc

São questões sempre atuais e assuntos como sustentabilidade, desmatamento, poluição, uso da água, geração de energia, destino do lixo, aquecimento global podem aparecer mais de uma vez na mesma prova.