Fuvest

Fuvest divulga aprovados no vestibular 2017; veja lista

Do UOL, em São Paulo

A Fuvest (Fundação Universitária para o Vestibular) divulgou nesta quinta-feira (2) a lista dos candidatos aprovados na primeira chamada do vestibular 2017. O processo seleciona alunos para a USP (Universidade de São Paulo) e para a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Foram convocados, ao todo, 8.854 candidatos, sendo 8.734 deles para a USP e 120 para a Santa Casa.

Os aprovados devem fazer a matrícula online das 9h do dia 6 de fevereiro até as 15h59 do dia 7 pelo endereço http://www.fuvest.com.br.

Mesmo efetuando a matrícula pelo site, é obrigatório o comparecimento para a matrícula presencial, nos dias 13 e 14 de fevereiro, juntamente com os convocados em segunda chamada, com divulgação prevista para 9 de fevereiro. Os horários e endereços podem ser consultados no manual do candidato.

A matrícula presencial exigirá o comparecimento do candidato ou de seu procurador legalmente constituído para assinatura de lista de matrícula e entrega dos documentos no serviço de graduação da unidade (escola, faculdade ou instituto) responsável pelo curso para o qual o estudante foi convocado.

Outras 2.338 vagas da USP serão disponibilizadas pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), por meio do desempenho no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2016. A matrícula para os aprovados no Sisu será nos dias 3, 6 e 7 de fevereiro.

Outras chamadas

Caso haja vagas remanescentes, estão previstas mais quatro chamadas até o mês de março. A terceira chamada deve ser divulgada dia 17 de fevereiro, com matrícula presencial no dia 21. A quarta, no dia 23 de fevereiro, com matrícula em 2 de março.

A quinta deve ser liberada no dia 6 de março, com matrícula nos dias 7 e 8. A sexta e última chamada está prevista para o dia 10 de março, com matrícula no dia 13.

Documentos

Para a matrícula na USP, o aprovado deve apresentar:

  • Certificado de conclusão do curso de ensino médio ou equivalente e respectivo histórico escolar, ou diploma de curso superior devidamente registrado (uma cópia)*;
  • Documento de identidade oficial (uma cópia)*;
  • Uma foto 3x4 recente (com ou sem data), com menos de um ano.

*é preciso apresentar o original ou a cópia autenticada dos documentos para conferência.

Já os aprovados na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo devem levar:

  • Prova de conclusão do Ensino Médio e respectivo histórico escolar (duas cópias autenticadas);
  • Documento de Identidade – RG (duas cópias autenticadas);
  • Cadastro de Pessoas Físicas – CPF (duas cópias autenticadas);
  • Duas fotos 3 x 4 recentes.

Reescolha

A partir do dia 15 de março terá início o processo de reescolha, com a divulgação das vagas não preenchidas. Datas, horários e outras informações sobre o processo podem ser conferidas no manual do candidato.

Abstenções

Ao todo, 136.736 candidatos se inscreveram na Fuvest 2017. A primeira fase registrou uma abstenção de 9,2% --12.549 inscritos não compareceram para fazer o exame. No vestibular passado, havia 142.721 candidatos inscritos e faltaram 13.922 (abstenção de 9,8%).

Já a segunda fase do vestibular 2017 registrou um índice de abstenção de 8,5% --dos 22.869 convocados para essa etapa da seleção, 1.933 faltaram.

Prova mais 'difícil' dos últimos anos

As provas da primeira fase do vestibular 2017 da Fuvest, que aconteceram no dia 27 de novembro de 2016, foram consideradas por professores ouvidos pelo UOL como as mais difíceis dos últimos cinco anos

"As matérias apresentaram grau de complexidade muito maior [nesta edição]. Geografia exigiu muita análise de mapas, gráficos, tabelas. O aluno tinha que ir e voltar muitas vezes para responder cada questão. Em história o conteúdo estava muito abrangente. Não dava para ele ter apenas um conhecimento breve. Era preciso conhecer a fundo os temas", explicou Marcelo Dias, coordenador geral do Colégio Etapa.

Já as provas da segunda fase, que ocorreram nos dias 8, 9 e 10 de janeiro, não surpreenderam, apesar de terem sido exigentes. "Nenhum dia trouxe surpresas. O aluno que faz Fuvest sabe que não adianta decorar: ele tem que pensar, saber interpretar e aplicar os conhecimentos dele", explicou Vera Lúcia Antunes, coordenadora do Curso Objetivo.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos