UOL Vestibular Notícias
 

14/07/2010 - 10h39 / Atualizada 14/07/2010 - 10h42

Controle da ansiedade é importante na hora de estudar

Ana Okada
Em São Paulo

Se você é daqueles que senta em frente aos livros e começa a pensar em tudo, menos em estudar, a psicóloga Ana Maria Rossi, presidente da International Stress Management Association no Brasil, dá uma dica: para evitar a dispersão, o estudante deve fazer tudo o que está pendente antes de começar a olhar a matéria. "Se o jovem está com fome, se está pensando em outras coisas que ele tem que fazer, ele tem que, primeiro ir resolver essas coisas, para, depois, ir estudar", diz.

Ao organizar uma rotina, a psicóloga aconselha os estudantes a serem flexíveis. Eles devem saber balancear os momentos de estudo com os de descanso e lazer, bem como fazer atividades físicas e ter uma alimentação saudável. "Deve-se evitar cafeína e açúcar refinado, que podem deixar o estudante hiperativo, dificultando sua concentração", diz.

 

 

 

Ana Maria afirma que o excesso de doces ou cafeína são prejudiciais por darem uma sensação de energia que é passageira. "Depois que a pessoa começa a voltar a seu estado normal, ela tende a ficar mais cansada", explica.

Atividades físicas

As atividades físicas, além de serem importantes para a saúde, são uma boa maneira de equilibrar o nível de estresse. A interação com colegas, seja numa passeio ou em conversas, também é fundamental. "Se o estudante não fizer outras atividades que não sejam mentais, ele tende a ficar disfuncional, ou seja, não conseguirá render tanto nos estudos", conta Ana Maria.

Relaxamento

Técnicas de relaxamento, para fazer tanto durante os estudos quanto antes da prova, também são uma boa medida para manter-se calmo. "Deitado ou sentado, deve-se respirar pelo nariz, como se o estudante estivesse enchendo um balão. Depois, o estudante deve expelir o ar pela boca ou pelo nariz", ensina.

Local de estudo

O espaço de estudos deve ser livre de distrações e precisa permitir o aumento da concentração. Ter uma alternativa ao local padrão, tal como uma biblioteca, também é bom para mudar um pouco. "A mudança de local pode trazer recursos extras", explica o professor Joe Landsberger, que organizou um site de estudos em 35 línguas.

Família

A colaboração dos pais e dos demais membros da família também é importante para dar tranquilidade ao estudante. Ana Maria diz que os pais devem respeitar a maneira que o estudante tem de estudar, seja evitando interrompê-lo, seja deixando-o ouvir música -se essa for a melhor maneira que ele tem para se concentrar. "Os adultos têm que entender a maneira que é mais produtiva para o jovem estudar: às vezes, há aqueles que se concentram melhor ouvindo música ou rabiscando. Eles devem respeitar seus hábitos", diz.

 

 

Compartilhe:

    Revisão de disciplinas

    Temas importantes

    Hospedagem: UOL Host