PUBLICIDADE
Topo

Biologia

Biologia -

No mês de fevereiro, na Província de Guandong, no sul da China, uma forma de pneumonia atípica atacou e matou cinco pessoas. Trata-se de uma pneumonia atípica, já que não é causada por bactéria, e foi batizada de Sars (sigla em inglês para síndrome respiratória aguda grave).

Os cientistas dizem que a doença pode ser causada por um novo vírus da família dos coronavírus, que estão na origem do resfriado comum.

Os cientistas confirmaram apenas que um vírus é o agente primário. Segundo o médico Zhao Mingwu, da Universidade de Pequim, pneumonias atípicas podem ter mais de 17 diferentes causas, entre elas, vírus e bactérias.

O contágio, que se dá por gotículas de saliva no ar, fez com que a sua possível transmissão em um país tão populoso como a China causasse uma enorme procura por máscaras. Dois meses depois, a doença já atingiu várias cidades do mundo, infectando aproximadamente 3.200 pessoas e matando mais de 150.

Os pacientes dessa pneumonia atípica sofrem sintomas agudos que incluem febre alta, tosse seca, dor muscular e fraqueza - e podem morrer se não forem tratados a tempo.

Doenças que podem vir a se tornar epidemias são assuntos de grande relevância para os vestibulares. É importante, nesses casos, que o aluno saiba qual o agente biológico que causa a doença, bem como a forma de transmissão dela. Vale a dica para algumas doenças transmitidas por inalação de ar contaminado.

As causadas por bactérias são: pneumonia típica (Streptococcus pneumoniae ou Diplococcus pneumoniae), coqueluche (Bordetella pertussis), tuberculose (Mycobacterium tuberculosis) e meningite epidêmica (Neisseria meningitidis).

As causadas por vírus são: varíola, sarampo, caxumba e gripe.

Biologia