Topo

Biologia -



 


Poluição é a introdução de qualquer substância que normalmente não existe no ecossistema e à qual os organismos não estão adaptados. Essas substâncias, chamadas de poluentes, provocam a degradação física e química do ambiente. Os poluentes podem ser naturais ou artificiais.



Os poluentes naturais são aqueles que já existem na natureza, por exemplo, o gás carbônico, mas que tem a sua quantidade aumentada devido à ação do homem (antrópica) ou da própria natureza.



Os poluentes artificiais são aquelas substâncias produzidas e lançadas na natureza pela ação antrópica. Alguns exemplos são os gases CFCs (clorofluorcabonos) e os pesticidas como o DDT.



Poluição atmosférica é a introdução de poluentes na atmosfera devido à ação antrópica ou natural. Estes poluentes alteram as propriedades físico-químicas da atmosfera, prejudicando o equilíbrio do ambiente e afetando o bem estar das espécies que habitam a região afetada.



Alguns exemplos de poluição atmosférica devido à ação antrópica são a emissão de CO2 proveniente de fontes fixas (indústrias, usinas termoelétricas, incineradores de lixo, vulcões) ou móveis (veículos automotores, trem, avião, embarcação marítima).



Exemplos de poluição atmosférica devido à causas naturais são as cinzas e gases de emissões vulcânicas, compostas principalmente de enxofre; e o CO2 liberado em incêndios florestais naturais.



Umas das consequências da poluição atmosférica é o efeito estufa.


 



Efeito estufa

É o aumento da temperatura terrestre devido a emissão de gases poluentes, principalmente do monóxido e dióxido de carbono. Estes gases podem ser emitidos por causas naturais (vulcões, incêndios) ou devido à ação do homem (queima de combustíveis fósseis). Uma maior concentração destes gases leva a um aumento da retenção natural de calor promovida pela atmosfera e à elevação da temperatura de nosso planeta.

 




Poluição das águas é a introdução de poluentes, em qualquer tipo de corpo hídrico, que alterem as propriedades físico-químicas desses ambientes, prejudicando as espécies que os habitam ou que utilizam seus recursos.



Alguns exemplos são o lançamento de esgotos domésticos ou industriais, o derramamento de petróleo e o lixo jogado em rios, lagos ou mar.



Uma das consequências da poluição das águas é a eutrofização.


 



Eutrofização

É causada pelo despejo na água de esgoto doméstico não tratado. O esgoto aumenta a quantidade de matéria orgânica e nutrientes presentes na água. Com isso, há um crescimento rápido e intenso de microalgas. Após certo tempo, essas algas morrem e são degradadas por bactérias decompositoras.



O processo de decomposição das algas consome o oxigênio dissolvido na água, reduzindo sua disponibilidade para as outras espécies aquáticas e provocando a morte de muitos organismos. Além disso, a grande quantidade de algas torna a água do mar turva, prejudicando a fotossíntese e reduzindo ainda mais o teor de oxigênio na água.

 

 

Mais Biologia