Topo

Enem 2010: 52 das 58 universidades federais vão adotar nota do exame no vestibular 2011

Suellen Smosinski

Em São Paulo

2010-07-08T07:00:00

2010-08-23T12:00:57

08/07/2010 07h00Atualizada em 23/08/2010 12h00

Pelo menos 52 das 58 universidades federais vão adotar a nota do Enem (Exame Nacional do ensino Médio) 2010 em seus vestibulares com ingresso em 2011. Segundo um levantamento feito pelo UOL Vestibular, apenas seis instituições ainda não decidiram se irão utilizar o Enem. O prazo para inscrição ao exame termina na próxima sexta-feira, 9 de julho.

 

 

Confira no mapa abaixo de que maneira as instituições vão usar a nota do Enem

Sisu, 1ª fase e parte da nota

Em 15 dessas instituições o Exame Nacional do Ensino Médio será a única forma de avaliação dos candidatos no processo seletivo 2011. Quase todas elas vão disponibilizar suas vagas no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), capitaneado pelo MEC (Ministério da Educação). A exceção fica por conta da UFCG (Universidade Federal de Campina Grande), na Paraíba. A federal paraibana vai utilizar o Enem como prova de seleção dos seus calouros de 2011, mas exigirá inscrição à parte (R$ 15 para cursos que não precisem de avaliação de habilidades específicas).

 

 

Dez universidades oferecerão parte das vagas pelo Sisu e parte pelo vestibular tradicional – as porcentagens variam de 10% a 60% das vagas exclusivamente ofertadas pelo Sistema de Seleção Unificada.

Algumas instituições preferiram adotar o Enem apenas como parte da nota do vestibular -- sete delas substituirão a primeira fase de seu processo seletivo e outras cinco vão usar o exame como percentual da nota. A UnB (Universidade de Brasília) e outras três universidades optaram por utilizar o Enem para preencher suas vagas remanescentes, ou seja, aquelas que sobrarem depois de todas as listas previstas no edital do vestibular.

Há ainda as que não definiram como irão utilizar a nota do Enem, caso da fluminense UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e da paulista Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Elas recomendam que os interessados em seus vestibulares façam o Enem.

Inscrição do Enem 2010

O prazo para se inscrever ao Enem vai até 23h59 do dia 9 de julho. As inscrições deverão ser efetuadas exclusivamente pela internet. A taxa de inscrição custa R$ 35.

O interessado deve usar documentos próprios, como CPF. Apesar de haver uma liminar impedindo o Inep, autarquia do MEC responsável pelo exame, de exigir o CPF, o documento ainda é requisito obrigatório no formulário online. No ano passado, houve uma disputa parecida e a Justiça decidiu a favor da manutenção da obrigatoriedade de CPF próprio.

*O mapa foi atualizado em 16 de setembro de 2010, às 17h

Leia mais
Veja, passo a passo, como se inscrever no Enem
Veja os temas mais cobrados no Enem 2009 que vazou
Veja os 20 temas candidatos a questões no Enem 2009
Veja todos os temas já cobrados nas redações do Enem
Músicas ajudam a aprender história; confira
100% dos problemas com candidatos do Sisu foram resolvidos, diz MEC
Haddad: "SP exporta universitários porque oferece poucas vagas públicas"
Confira a correção do primeiro dia de provas do Enem 2009
Enem 2009 é cancelado por suspeita de fraude

Mais Educação