PUBLICIDADE
Topo

"Ela anda meia nervosa?"

Atualizado em 28/01/2015, às 16h39

Por Dílson Catarino*:

"Ela anda meia nervosa?"

Não!!! pois a palavra meio, quando intensificar adjetivo (no caso, a palavra "nervosa"), será advérbio, sendo, conseqüentemente, invariável.

A maneira mais fácil de se observar se meio é advérbio é substituí-lo por outro advérbio de intensidade qualquer. Por exemplo, coloque a palavra bem no lugar de meio. Se a frase continuar tendo nexo, este será invariável. Façamos isso no exemplo apresentado, ou seja, substituamos meio por bem: Ela anda bem nervosa.

A frase está perfeita, portanto deveremos corrigir a primeira, deixando-a assim:

"Ela anda meio nervosa?"

Se não for possível substituir meio por bem, então meio pertencerá a outra classe gramatical, que veremos agora:

Quando meio modificar substantivo, será adjetivo (com o significado de metade de um todo; médio, intermediário), por isso concordará com o substantivo. Por exemplo:

  • Ele bebeu meia garrafa de café = Ele bebeu metade da garrafa.

Meio ainda pode ser substantivo, significando ponto médio; centro; o que dá passagem ou serventia; condição, circunstância; via por onde se chega a um fim, bens de fortuna (neste último caso, só se usa no plural)...

Outros exemplos:

  • A situação está meio complicada =A situação está bem complicada.
  • Basta-me meia xícara = Basta-me metade da xícara.
  • Esse é meu meio de vida. = condição.

*Professor de gramática da língua portuguesa, literatura e redação, desde 1980.