PUBLICIDADE
Topo

"Aquela mulher é meia complicada. Ela acha que..."

Atualizada em 02/02/2015, às 15h08

Por Dílson Catarino*:

"Aquela mulher é meia complicada. Ela acha que há bastante pessoas menas educadas, pois há senhoras que nunca dizem 'muito obrigado'".

Essa frase ridícula foi produzida com o intuito de registrar o uso de alguns adjetivos, pronomes adjetivos e advérbios - matéria que chamamos de "concordância nominal". Seguindo a sequência, teremos o seguinte:

Meio

  • Concordará com o elemento a que se referir, quando significar "metade" de alguma coisa. Por exemplo: Era meio-dia e meia (hora); Ela tomou meia garrafa de vinho.
  • Ficará invariável, quando significar "um pouco", "mais ou menos". Por exemplo: A porta estava meio aberta; Ela ficou meio zangada comigo.
  • Quando formar substantivo composto, ambos os elementos variarão. Por exemplo: Os meios-fios ficaram altos demais.

Bastante

  • Quando modificar substantivo, concordará com ele, por ser pronome indefinido adjetivo. Nesse caso, poderá ser substituído por "vários, várias, algum, alguns, alguma ou algumas". Por exemplo: Ele tem bastantes amigos; Bastantes pessoas compareceram ao espetáculo.
  • Quando modificar verbo, adjetivo ou outro advérbio ficará invariável, por ser advérbio. Nesse caso, poderá ser substituído por "bem ou muito". Por exemplo: Elas estavam bastante zangadas comigo. Eles estudaram bastante.
  • Bastante também será adjetivo, quando significar "que basta", "que satisfaz". Por exemplo: Há provas bastantes de sua culpa.

Menos

  • A palavra menos é sempre invariável. Por exemplo: Há menos mulheres aqui. Estudei menos matérias esse ano.

Obrigado

  • Obrigado significa "agradecido, grato, reconhecido". Concorda com o substantivo ou com o pronome a que se refere, ou seja, se o substantivo for feminino plural, usa-se "obrigadas", como usaria "gratas, agradecidas, reconhecidas". Por exemplo: A garota disse um muito obrigada emocionado; Todas elas disseram em coro: - Muito obrigadas.

Assim, constatamos que a frase apresentada está errada, devendo ser assim reescrita:

Aquela mulher é meio complicada. Ela acha que há bastantes pessoas menos educadas, pois há senhoras que nunca dizem "muito obrigadas".

*Professor de gramática da língua portuguesa, literatura e redação, desde 1980.