Inscrições para o vestibular 2013 da Unicamp terminam às 20h desta sexta; são 3.444 vagas

Do UOL, em São Paulo

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) encerra nesta sexta-feira (14) as inscrições para o vestibular 2013. O cadastro poderá ser realizado até as 20h, exclusivamente pela internet, preenchendo o formulário disponível.

O pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 135, deve ser realizado até hoje. São oferecidas 3.444 vagas em 68 cursos da Unicamp e dois cursos da Famerp (Faculdade pública de Medicina e Enfermagem de São José do Rio Preto). Confira o manual:

 

O vestibular da Unicamp é composto por duas fases. Na primeira fase, a prova é dividida em duas partes: a redação e a parte de conhecimentos gerais, com 48 questões de múltipla escolha. Já na segunda, realizada em três dias consecutivos, as provas são discursivas: no primeiro dia, acontecem as provas de língua portuguesa e de literatura e prova de matemática; no segundo dia, as provas de ciências humanas e artes e prova de língua inglesa; por fim, no terceiro dia, as provas de ciências da natureza.

Curso de música

A Unicamp decidiu cancelar a nova prova de habilidade instrumental que seria realizada pelos candidatos dos cursos de música a partir do vestibular 2013. Segundo a universidade, a prova foi cancelada por conta do impacto que teria na nota dos candidatos e do pouco tempo disponível para preparação e gravação desses vídeos. O peso desta prova seria de 50% da nota da primeira fase.

A prova presencial está mantida para os cursos de música, após a segunda fase do vestibular 2013, entre os dias 21 a 24 de janeiro.

As informações sobre a prova de habilidades específicas pode ser visto no manual do candidato.

Mudanças

No vestibular do ano passado, os candidatos deveriam redigir três textos na prova de redação. Esse ano houve alterações, e os candidatos deverão produzir apenas dois textos de gêneros distintos e de execução obrigatória na prova de redação.

Além disso, foram criados quatro novos cursos de graduação: engenharia de telecomunicações (50 vagas em período integral), sistemas de informação (45 vagas, integral), engenharia ambiental (60 vagas, período noturno) - oferecidos na FT (Faculdade de Tecnologia) de Limeira; e engenharia física (15 vagas, período integral), no campus de Campinas, em Barão Geraldo.

O número de convocados para a segunda fase, de cada curso, passa de oito para, no máximo, seis vezes o número de vagas oferecidas, considerando os candidatos que optaram primeira opção de curso.

As provas não serão mais aplicadas nas cidades de Curitiba e Rio de Janeiro.

Enem

Sobre o uso do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) no vestibular deste ano, a universidade informa:

  • As notas do Enem só serão utilizadas na classificação para a segunda fase do vestibular, se o MEC (Ministério da Educação) disponibilizar o cadastro e as notas relativas ao Enem 2012 até o dia 30 de novembro de 2012. Caso isso não aconteça, as notas de 2011 ou de 2012 do Enem, não serão consideradas para nenhum candidato nessa fase do vestibular;
  • As notas do Enem só serão utilizadas para compor a nota da primeira fase no cálculo da nota final do vestibular caso o MEC disponibilize o cadastro e as notas relativas ao Enem 2012 até o dia 15 de janeiro de 2013. Caso contrário, as notas do Enem, de 2011 ou de 2012, não serão consideradas para nenhum candidato do vestibular.

 

Isentos

Os beneficiados com a isenção de taxa do vestibular não estão automaticamente inscritos no processo seletivo, por isso devem efetuar a inscrição, utilizando o código de isento fornecido pela Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares).

A Comvest beneficiou 4.613 candidatos com a isenção da taxa de inscrição. Faça a consulta:

 

Leitura obrigatória

A lista de leituras obrigatórias para o vestibular da Fuvest e da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) apresenta mudanças para este ano. Houve troca de quatro títulos.

As novas obras da lista são:

  • Viagens na Minha Terra, de Almeida Garrett;
  • Til, de José de Alencar;
  • Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis e
  • Sentimento do mundo, de Carlos Drummond de Andrade.

 

Esses livros substituem "Auto da barca do inferno", "Iracema", "Dom Casmurro" e "Antologia Poética". As obras que continuaram na lista foram:

  • A Cidade e as Serras, de Eça de Queirós;
  • Memórias de um Sargento de Milícias, de Manuel Antônio de Almeida;
  • O Cortiço, de Aluísio de Azevedo; e
  • Vidas Secas, de Graciliano Ramos.

 

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos