"Governador chama a atenção de assessor, pela gafe..."

Crase

Governador chama a atenção de assessor, pela gafe cometida...

"O governador de certo Estado brasileiro, insatisfeito com as palavras impensadas de seu assessor pessoal, repreendeu-o em público, causando mal-estar a todos os que presenciaram a grotesca cena".

Era mais ou menos isso que comentava o jornalista que assistiu ao esbregue do governador no pobre coitado do cidadão. O seu texto está todo certo, não há erro gramatical algum. O problema está no "título" do artigo, pois o governador não "chamou a atenção do assessor", já que chamar a atenção de alguém significa "atrair para si, angariar, despertar a atenção de alguém". Nós, brasileiros, temos o costume de utilizar tal frase no sentido de repreender, não é mesmo? Mas, nesse sentido, a expressão certa é "chamar alguém à atenção", e não "chamar a atenção de alguém".

Se o governador chamou a atenção do assessor, quer dizer que aquele, o governador, atraiu a atenção deste, o assessor, devido a alguma ação praticada por ele. A frase certa seria então a seguinte:

Governador chama assessor à atenção, pela gafe cometida.

No lugar da palavra "atenção", também há a possibilidade de se construir frase com a palavra "responsabilidade", como, por exemplo em "O pai chamou o filho à responsabilidade, pois este não queria trabalhar".

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos